Geral

Moradores da Rua Videira, no Bairro Morumbi, precisarão deixar suas casas após liminar de reintegração de posse

Enviado por: Augusto Ikeda 09/03/2018

 

Os moradores de 10 casas localizadas na Rua Videira, no Bairro Morumbi, precisarão deixar o local até o próximo dia 15 por conta de uma liminar de reintegração de posse.

De acordo com os moradores, o terreno do local teria sido doado para a igreja católica. Mas o padre responsável pelo lugar permitiu que a área fosse ocupada e casas acabaram sendo construídas pela população.

Se já não bastasse toda a revolta, um morador, em especial, tem motivos a mais para reclamar da reintegração de posse. O mototaxista Carlos Lúcio Santos é o único residente do local que precisa pagar o IPTU, além das parcelas da compra de sua parte do terreno, que pertencia à antiga Encop, a empresa de construções populares do município.

“Há nove anos que estamos aqui, estamos pagando certinho as prestações, inclusive falta três meses para quitar. Eu estava trabalhando e recebi a notícia que queriam despejar a gente, fiquei surpreso. Eu pago o IPTU certinho”, disse.

As advogadas que representam as famílias acreditam que a liminar seria um grande equívoco por parte da Prefeitura de Uberlândia.

“Nós acreditamos que houve um equívoco da administração pública quando entrou com essa ação de reintegração de posse. Por que são famílias que estão aqui há mais de 18 anos nesse local. Inclusive, algumas pagam o IPTU e a prestação do imóvel e estão aqui pelo direito de propriedade”, disse a advogada Amanda Oliveira.

Informações: Vinícius Lemos

Comentários...