Geral

Sindicatos, federação e centrais realizam paralisação contra aumento dos combustíveis e contra pedágios nas rodovias

Enviado por: Redação V9 13/03/2018

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Uberlândia, a Força Sindical Minas Gerais, Nova Central Sindical, FettroMinas e sindicatos afiliados, realizam, no dia 20 de março, a partir das 08 horas, no Trevão de Monte Alegre de Minas, na Rodovia BR 153 com BR 365 – Km 58, a Paralisação em Protesto pelo aumento abusivo nos preços dos combustíveis e contra a cobrança de pedágios em rodovias sem contrapartida de obras e melhorias de manutenção.

De acordo com o presidente do SINDTTRANS, Célio Moreira, a mobilização tem o objetivo de chamar a atenção das autoridades e do Poder Público. “O movimento tem como foco mostrar que em alguns postos do estado o combustível revendido ultrapassa a marca de 50% de impostos em seu preço final. Com isso, o custo para o setor de transporte fica insustentável, pois o aumento é repassado aos produtos consumidos, afetando a classe trabalhadora e toda sociedade”, afirmou.

O movimento ainda cobra maior fiscalização por parte do Governo nas estradas privatizadas. “O estado de conservação das estradas está lastimável. No trecho que liga Uberlândia a Belo Horizonte, na BR 262, há cobrança de pedágio desde a sua privatização e até o momento não houve nenhuma obra de melhoria. Podemos dar como exemplo a serra de Luz, que requer a duplicação imediata, sequer contruiram uma terceira faixa para minimizar os transtornos dos motoristas. Outro problema está nas proximidades do município de Araxá e Perdizes, onde, devido aos inúmeros buracos na pista há formação de filas de veículos com pneus estourados”, salientou Célio.

SERVIÇO

Paralisação em Protesto

Chega de aumentos abusivos no combustível

Chega de pedágios em rodovias sem conservação

DATA: 20 de março

HORÁRIO: 08h

Comentários...