Polícia

Família reconhece corpo de jovem encontrado no Rio Uberabinha 4 dias após suposto atropelamento

Enviado por: Carolina Vilela 04/12/2018

A família do jovem Ermínio José Dias, de 20 anos, reconheceu na manhã desta terça-feira, 4 de dezembro, como sendo dele o corpo encontrado no Rio Uberabinha ontem, próximo à Usina Hidrelétrica Malagone S/A, em Uberlândia.

Funcionários da empresa avistaram o corpo boiando no rio e acionaram as autoridades. Eles usaram uma corda e puxaram o cadáver para a margem para evitar que fosse levado pela correnteza.

O corpo já estava em avançado estado de decomposição, com o rosto irreconhecível, completamente nu, porém com uma botina no pé direito. De acordo com os familiares, só foi possível fazer o reconhecimento por um detalhe: desde criança Ermínio tinha a mania de usar três meias ao mesmo tempo.

O jovem, que morava em Uberlândia há um ano, desde que veio em busca de trabalho, estava desaparecido desde 1h da última quinta-feira, 29 de novembro, quando teria sido atropelado ao voltar para casa do trabalho. Ele estava em companhia de dois amigos, que disseram ter visto o acidente. Na versão deles, com o impacto da batida, Ermínio foi arremessado no rio. O motorista fugiu do local.

O local do acidente fica às margens do Anel Viário Norte, na ponte sobre o rio Uberabinha, entre os Bairros Guarani e Taiaman.

O Corpo de Bombeiros realizava buscas desde o dia do fato.

 

Jovem é atropelado e arremessado no rio Uberabinha, em Uberlândia, dizem amigos

Bombeiros continuam as buscas pelo corpo de ciclista que teria sido atropelado e arremessado no Rio Uberabinha

Bombeiros iniciam quarto dia de buscas por ciclista que teria desaparecido no Rio Uberabinha

Funcionários de hidrelétrica encontram corpo boiando no Rio Uberabinha

 

Comentários...