Polícia

Operação Contenção investiga supostos integrantes do PCC que emitem ordens de dentro do presídio

Enviado por: Carolina Vilela 14/06/2018

Foi deflagrada na manhã desta quinta-feira, 14, a “Operação Contenção”, um trabalho conjunto entre a Polícia Federal em Uberlândia e a Polícia Militar de Minas Gerais. O objetivo é desarticular organização criminosa atuante no tráfico de drogas na cidade, além de envolvimento em crimes de latrocínio, roubo, homicídio e atentados incendiários a ônibus.

Estão sendo cumpridos 14 mandados judiciais de prisão preventiva e 21 mandados judicias de busca e apreensão; todos expedidos pela 2ª Vara Criminal da Comarca. Durante a investigação, mais de um tonelada de maconha foi apreendida. A droga seria  de propriedade dos investigados. Em uma das residências alvos de mandados foram localizados 42 tabletes de maconha.

A investigação foi iniciada há seis meses e visa a conter a atuação da organização criminosa Primeiro Comando da Capital, o PCC, cuja liderança emite ordens de dentro de estabelecimento prisional do estado de Minas Gerais.

Até o momento, houve o indiciamento de 18 pessoas, dentre os quais a maior parte já conta com registros criminais por tráfico de drogas, roubos e homicídios. Os presos foram indiciados nos termos dos artigos 33, 35 da lei 11.343/2006 e artigo 2º da lei 12.850/2013, sendo encaminhados ao presídio Jacy de Assis, permanecendo à disposição do Poder Judiciário.

Comentários...