Geral

Corpo do médico Arthur Reis é localizado no Rio Claro 4 dias após se afogar na Cachoeira da Fumaça

Enviado por: Carolina Vilela 11/09/2020

Foi feito o içamento da vítima com o helicóptero Arcanjo 06, de Uberaba.

Foi localizado às 10h30 desta sexta-feira, 11, o corpo do médico Arthur Reis Alves Pereira, de 30 anos, que se afogou na última segunda-feira, feriado de 7 de setembro, na Cachoeira da Fumaça, entre Nova Ponte e Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Hoje foi o 5º dia de buscas pela vítima.

A tragédia aconteceu no fim da tarde do feriado da Independência, quando banhistas estavam na cachoeira. Foram dois acidentes quase simultâneos. Uma mulher de 51 anos escorregou e quebrou o braço. Ela foi resgatada de helicóptero pelos bombeiros, que tiveram muito trabalho para fazer o içamento com técnicas apropriadas e imobilização da vítima ferida.

A técnica aplicada funcionou e um bombeiro conseguiu, mesmo se arriscando embaixo das pedras, entrar e retirar o corpo. Foram realizadas vistorias embaixo das pedras, as chamadas “lócas”, pontos onde já foram encontrados corpos em situações anteriores. A vítima estava presa embaixo das pedras, a cerca de 80 metros abaixo do local do acidente e dois metros de profundidade. A retirada do corpo foi feita via terrestre até um certo ponto e então, foi feito o içamento da vítima com o helicóptero Arcanjo 06, de Uberaba.

Os bombeiros alcançaram uma distância de aproximadamente 4 km do ponto do acidente. Em alguns pontos deste trecho a correnteza é forte a ponto de oferecer risco à vida dos bombeiros.

Homem se afoga e mulher quebra o braço após queda na Cachoeira da Fumaça

Comentários...