Geral

Morre em Uberlândia a dona Maria das Balas, do Bairro Luizote

Enviado por: Carolina Vilela 03/12/2017

Imagem: TV Vitoriosa / Arquivo 18/7

Morreu na madrugada deste domingo, 3 de dezembro, Claricina Evangelista, conhecida como Dona Maria das Balas. O apelido carinhoso ela ganhou por vender balinhas, há mais de 36 anos, em frente à Escola Municipal Leônidas de Castro Serra, no Bairro Luizote de Freitas, em Uberlândia.

Dona Maria das Balas disse ter pensado que iria morrer quando tomaram o carrinho de balas (Imagem: TV Vitoriosa / Arquivo 18/7)

Dona Maria das Balas ficou conhecida em Uberlândia e toda a região depois de ter o carrinho de trabalho tomado pelos fiscais da Prefeitura de Uberlândia e Polícia Militar (PM) no dia 6 de julho deste ano. A idosa contou à TV Vitoriosa ter sido informada pelos fiscais que a venda era ilegal e eles iriam tomar todo o material dela. Ainda foi aplicada uma multa de R$ 3 mil.

O caso gerou revolta e comoção na cidade. A população se manifestou contra a medida, sob a alegação de que ela não causava prejuízo nenhum ao município vendendo as balinhas às crianças da escola.

A idosa trabalhava vendendo doces para complementar a renda do marido, que é aposentado e recebe aproximadamente um salário mínimo.

Vereadores também se mobilizaram pela causa. Dias depois o carrinho foi restituído e ela não precisou pagar a multa.

Relembre as reportagens da TV Vitoriosa e V9 Vitoriosa

Idosa que vende balas em porta de escola tem carrinho apreendido e revolta população do Luizote de Freitas

Dona Maria consegue recuperar carrinho apreendido por fiscais da prefeitura

Dona Maria volta a vender balas e doces em porta de escola no Luizote de Freitas

Dona Maria fala da apreensão de seu carrinho e sobre trabalho

O velório está acontecendo na Paz Universal. O sepultamento está previsto para as 15h45

Comentários...