Polícia

Cachorro da raça Pit Bull é morto com dois tiros em Araguari

Enviado por: Redação V9 08/04/2019

Um cachorro da raça Pit Bull foi morto com dois disparos de arma de fogo na madrugada deste domingo, 7, no Bairro Santa Terezinha, em Araguari. O responsável pelos tiros é um policial militar, que tomou a decisão para preservar sua integridade física.

De acordo com as informações do Boletim de Ocorrência do caso, o militar chegou na casa de sua namorada e deixou o portão da residência aberto para guardar sua motocicleta. No entanto, o cachorro aproveitou o momento e entrou no local. Ao notar que o animal estava agressivo e que tentou o morder, o policial efetuou dois disparos na direção do Pit Bull, que fugiu logo em seguida.

A equipe de reportagem da TV Vitoriosa conversou com o Tenente Dornelas, da PM de Araguari, que confirmou a história e disse que em seguida, o militar acionou a polícia e registrou a ocorrência. Ele e outros colegas tentaram localizar o animal para prestar socorro, mas não tiveram sucesso. O cachorro só foi encontrado durante a manhã, já sem vida.

O tenente explicou que o dono do cachorro ainda não foi localizado, mas que ele poderá responder por omissão de cautela na guarda de animal.

“A gente tem que salientar o seguinte: o dono desse animal não foi localizado e ele responde por omissão de cautela de animal. Tem lei pra isso: o animal tem que ficar trancado, fechado, longe de transeuntes. Esse animal, na realidade, estava solto, causando perigo pro cidadão”, disse.

Palavra do MP

A equipe de reportagem da TV Vitoriosa também conversou com a promotora Lilian Tobias, do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG). Ela explicou que assim que o MP ficou sabendo do caso, entrou em contato com as autoridades e que ouvirá todas as partes para apurar o que realmente aconteceu.

“Vamos apurar o que realmente aconteceu, ouvir todos os envolvidos, solicitar diligências junto à Polícia Civil de Araguari pra ver qual desfecho o Ministério Público vai dar pra esse caso”, disse.

 

Informações: Anderson Magrão

Comentários...