Polícia

Homem é preso por manter relações sexuais e fotos nuas de criança de 12 anos em Uberaba

Enviado por: Redação V9 09/01/2020

Uma criança de 12 anos confessou a Polícia Militar (PM) que estava mantendo relações sexuais com um homem, de 34, em Uberaba. O suspeito era conhecido pela família da garota e foi encontrado com imagens da menina sem roupa. A Polícia Militar (PM) foi acionada na tarde desta quarta-feira, 8.

Após perceber um comportamento estranho da garota, a irmã dela passou a acompanhar as conversas da criança e descobriu que a menina estava se relacionando com um homem mais velho. Nas conversas foram encontradas fotos íntimas do homem, que pedia para que a vítima também enviasse as dela.

Policiais foram até a residência da criança e a mesma informou que está se relacionando com o suspeito há mais de dois meses. Ela contou que o homem chamou ela em um aplicativo de mensagens e começou a elogia-la constantemente. De acordo com o relato, os dois chegaram a se encontrar e a menina informou a idade, mas ele teria dito que não se importava com isso. A menina afirmou que foi para a casa do homem várias vezes e sempre mantinha relações sexuais com ele sem o uso de preservativo. Segundo militares, a criança não informou quando foi a última vez que se encontrou com o suspeito, mas ela se mostrou envergonhada.

O suspeito foi encontrado no Bairro Universitário e inicialmente ele negou o crime, mas logo depois confirmou ter enviado fotos dele nu para garota, além de confessar que estava mantendo imagens dela semi nua. Ele informou que não tinha conhecimento que a menina era menor de idade. O celular dele foi apreendido e ele preso em flagrante por estupro de vulnerável e armazenamento de material fotográfico de cunho pornográfico.

A garota foi encaminhada para receber atendimento médico no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM). Os exames de praxe não foram realizados pois já havia passado mais de 72 horas depois da última relação sexual entre o suspeito e a vítima.

O caso será investigado.

Comentários...