Polícia

Motorista de aplicativo é agredido por namorado de cliente após não encontrar destino da corrida

Enviado por: Carolina Vilela 05/10/2019

Um motorista de aplicativo foi agredido nesta madrugada de sábado, 5, em Uberlândia, após não localizar o endereço de destino enviado por GPS pelo namorado da passageira. De acordo com a vítima Fabiano Duarte Ferreira, o suspeito Jhon Lenno Lopes da Silva teria se indignado com a situação e agredido o motorista a socos.

O suspeito acionou a corrida no Bairro Tibery para levar a namorada dele, uma adolescente de 16 anos, para casa. No entanto, ao chegar no endereço direcionado pelo GPS, motorista e passageira perceberam que não era o endereço correto.

Fabiano disse ter dado algumas voltas pelas imediações, mas a garota não soube informar o destino correto. Em contato com o solicitante da corrida, ele teria chamado o motorista de “burro” e foi chamado para buscar a menor e pagar pelo serviço. Após desentendimento por telefone, ele avisou que deixaria a jovem na esquina e que o namorado dela deveria buscá-la.

No local, ainda segundo o motorista, Jhon Lenno o teria agredido a socos e se negado a efetuar o pagamento. Fabiano acionou os colegas de profissão pelo aplicativo de celular e alguns compareceram para ajudar. A Polícia Militar (PM) que havia sido acionada, já estava no local e conduziu os envolvidos para a companhia militar. O motorista se indignou por estar algemado.

“Eu saio de casa pra trabalhar, pra levar o sustento pra minha família, eu sou um pai de família, aí vem um vagabundo, agride a gente, e a gente ainda é conduzido preso, algemado, passa por vexame na UAI, na sociedade e não tem valor nenhum”, disse.

A PM não quis gravar entrevista mas informou à nossa equipe que Fabiano tem uma passagem por agressão e o suspeito, Jhon Lenno, tem 20 passagens, sendo 8 delas por agressão.

Confira na reportagem.

Comentários...