Política

Após 12h, vereador afastado Silésio Miranda passa mal e audiência de instrução é suspensa

Enviado por: Redação V9 22/05/2020

Silésio Miranda teve um mal súbito e precisou ser atendido na UAI – Imagem: Léo Carvalho

A audiência de instrução e oitiva de testemunhas convocada pela Comissão Processante que apura denúncias contra o vereador afastado Silésio Miranda (PT), presidida pela vereadora Jussara Matsuda (PSL), relator Heliomar Bozó (PSD) e Clayton Cesar (PP) membro, foi interrompida após mais de 12 horas  devido a um mal súbito sofrido pelo denunciado durante seu depoimento e inquirição.

Diante do fato a Comissão Processante em acordo com os advogados do denunciado suspendeu os trabalhos e marcou o prosseguimento da audiência de instrução para o dia 22 de maio , às 9:00h, no plenário da Câmara Municipal. A presidente Jussara Matsuda informou aos procuradores do denunciado, e que fosse informado ao mesmo, a nova agenda da continuação da reunião e que todos já se considerassem intimados e notificados da mesma.

O advogado Gilberto Neves, procurador do denunciado Silésio Miranda, afirmou que acatava a decisão da Comissão Processante mas pediu ainda que houvesse uma notificação posterior por escrito para ser juntada ao processo. A presidente Jussara Matsuda reforçou a notificação já realizada verbalmente durante o encerramento da reunião e o advogado Gilberto Neves reafirmou que já se considerava intimado e ocorrendo o mesmo com seu representado.

O vereador afastado Silésio Miranda teve uma primeira assistência prestada pela presidente da Comissão Processante, Jussara Matsuda, que é médica e fez com que o mesmo fosse conduzido para atendimento hospitalar em unidade de saúde. Até o momento não há informações sobre o estado de saúde do vereador afastado Silésio Miranda, ainda em atendimento emergencial em unidade hospitalar. Matéria completa sobre as audiências será publicada após o encerramento das mesmas.

Comentários...