Política

Eduardo Bolsonaro diz que a esquerda conseguiu “seu George Floyd”

Enviado por: Redação V9 22/11/2020

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, afirmou neste sábado (21.nov) que representantes da esquerda “conseguiram seu George Floyd” com a morte de Beto Freitas, homem negro de 40 anos que foi espancado por dois seguranças em um supermercado Carrefour, em Porto Alegre.

George Floyd, também negro, foi uma vítima de assassinato em Minneapolis, cidade em Minnesota, nos Estados Unidos, quando um policial branco o estrangulou colocando o joelho em seu pescoço. O caso foi em maio de 2020 e desencadeou uma onda de protestos antirracistas no país, onde a frase “I can?t breathe” (não consigo respirar), pronunciada por Floyd quando estava sendo imobilizado, ganhou grande destaque.

De acordo com análise inicial do Instituto-Geral de Perícias do Rio Grande do Sul, é provável que Beto também tenha morrido por asfixia.

Na mensagem, Eduardo declara “repúdio ao espancamento fatal no Carrefour”. No texto, diz que o ex-presidente Lula incentiva os brasileiros a copiarem o “quebra-quebra do Chile” e que o objetivo é “sob pretexto de combater o racismo, de maneira organizada destruir tudo até talvez conseguirem nova constituinte”.

SBT

Comentários...