Política

Vereadora Michele Bretas renuncia ao cargo após acordo com Gaeco

Enviado por: Redação V9 20/03/2020

(Imagem: Reprodução/Facebook)

A vereadora Michele Bretas (Avante) renunciou ao cargo na tarde desta sexta-feira, 20, após fazer um acordo com o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) para pararem de investigá-la na 2ª Fase da Operação Má Impressão.

A 1ª fase da Operação investigou 20 parlamentares que teriam gasto mais de R$100 mil em gráficas com recursos de verba indenizatória. Na 2ª os vereadores investigados eram aqueles que gastaram menos, que é o caso de Michele. A vereadora gastou R$70 mil, mas fez um acordo no Ministério Público Estadual (MPE) para que não fosse investigada. Com isso, ela precisou renunciar ao cargo e devolver o valor que não conseguiu comprovar o uso, além de não poder assumir cargo público por oito anos.

O V9 entrou em contato com a assessoria da vereadora, que informou que Michele se manifestou sobre o assunto através do termo de renúncia, que deverá ser protocolado na Câmara de Uberlândia. Na carta a parlamentar afirma que nunca cometeu nada ilícito e que agora dedicará seu tempo a família.
Confira a carta na íntegra:


Comentários...