Camisas do Flamengo são roubadas e vendidas antes do lançamento

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Motorista suspeito de ter roubado a carga foi preso na última quarta-feira (25). Valor dos itens vendidos ultrapassa R$ 70 mil

Criminosos roubaram e venderam camisas do Flamengo que ainda não haviam sido lançadas pelo clube. O motorista suspeito de ter roubado a carga, Christian Reis de Paula, foi preso na última quarta-feira (25), no Rio de Janeiro, no mesmo dia do lançamento oficial do uniforme.

Segundo o delegado do caso, Vinícius Domingos, Christian teria se apropriado de uma carga e, no caminho para São Paulo, entregou o conteúdo a outras pessoas que realizaram a comercialização das camisas.

Em vídeo, um homem divulga os itens roubados e os anuncia para venda em grupos de mensagem e em redes sociais. Ao menos 500 camisetas foram comercializadas a traficantes do Complexo da Maré, na capital fluminense. O valor dos itens vendidos ultrapassa R$ 70 mil.

Christian já possuía 20 passagens na polícia por roubo de cargas. De acordo com o delegado, parte dos receptadores das camisetas já foram identificados e irão responder por receptação qualificada, com pena de 3 a 8 anos. A investigação irá continuar, a fim de descobrir outros envolvidos nos crimes e as pessoas que compraram os itens roubados.

SBT PRIMEIRO IMPACTO

LEIA TAMBÉM!