ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Cruzeiro empata em 2 a 2 com o Avaí no Mineirão

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Foto: Washington Alves / Light Press / Cruzeiro

O Cruzeiro voltou a campo na noite desta quarta-feira e empatou em 2 a 2 com o Avaí, no Mineirão, em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Thiago Neves e Judivan, bastante festejado, marcaram os gols celestes no duelo.

O grande momento da partida foi o retorno do camisa 14, que não entrava em campo há dois anos e cinco meses. Em seu primeiro lance, Judivan roubou uma bola que originou um pênalti sobre Robinho.

O jovem atacante partiu para a cobrança e anotou seu primeiro gol neste retorno, causando grande comoção entre os torcedores celestes.

Agora, o Cruzeiro volta seu foco para o jogo contra o Vitória, no próximo domingo, em Salvador.

O jogo

A primeira grande chance cinco estrelas aconteceu aos 15 minutos. Rafinha acionou Diogo Barbosa na esquerda. O camisa 6 fez belo cruzamento e Thiago Neves, com perigo, finalizou por cima do gol.

Aos 21 minutos, Leandro Pedro Vuaden anotou pênalti de Henrique em Rômulo. Na cobrança, Júnior Dutra chutou, Fábio ainda tentou a defesa, mas a bola entrou: 1 a 0 para os visitantes.

A resposta cinco estrelas veio aos 24 minutos. Thiago Neves encontrou Rafinha próximo à área. O camisa 70 arriscou arremate colocado, buscando o ângulo esquerdo, e a bola passou rente ao travessão. No minuto seguinte, Galhardo cruzou e Jonata cabeceou por cima.

O Cruzeiro seguiu forte na busca pelo empate. Aos 30 minutos, Thiago Neves arriscou de fora da área e Douglas fez defesa difícil.

Aos 34 minutos, outra grande chance azul. Galhardo novamente deu passe pela direita, Rafinha desviou para trás e Thiago Neves emendou de voleio. O goleiro Douglas fez um milagre.

Nos acréscimos do primeiro tempo, Galhardo chutou de longe e Douglas fez nova defesa.

Na volta para o segundo tempo, o Maior de Minas voltou atuando no campo do adversário e criou ao menos três chances em bolas cruzados nos primeiros 10 minutos.

Aos 12 minutos, após sobra em uma cobrança de escanteio, Robinho fintou seu marcador, cruzou na área, e Henrique cabeceou pela linha de fundo.

De tanto pressionar, o Cruzeiro chegou ao empate aos 13 minutos. Diogo Barbosa fez grande jogada pela esquerda, cruzou na área, a bola passou por Léo e chegou até Thiago Neves, que dominou e bateu com precisão: 1 a 1.

Estreante da noite, Galhardo deixou o gramado aos 20 minutos da segunda etapa, dando lugar à Bryan.

Thiago Neves tentou mais uma vez aos 25. O meia estrelado ajeitou e chutou rasteiro, de fora da área, e Douglas defendeu.

Aos 29 minutos, um grande momento que a Nação Azul esperava: após dois anos e cinco meses, Judivan voltou a entrar em campo com o manto celeste no lugar de Diogo Barbosa.

Em sua primeira participação, o camisa 14 roubou uma bola na entrada da área, Robinho dividiu com o goleiro e sofreu pênalti.

O jovem atacante revelado na base celeste cobrou o pênalti e marcou o gol da virada, em lance de grande emoção: 2 a 1 para o Cruzeiro.

Nos minutos finais, o Avaí buscou o empate em jogada de Caio César, com outro gol de Júnior Dutra. O jogo terminou em 2 a 2.

Agora, o Cruzeiro se prepara para enfrentar o Vitória, no próximo domingo, em Salvador.

Site Oficial do Cruzeiro

LEIA TAMBÉM!