Cruzeiro renova contrato de Fábio até 2019

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Em setembro, goleiro Fábio foi decisivo na conquista do pentacampeonato da Copa do Brasil Fonte: Ramon Lisboa/E.M/D.A. Press

Reunião na tarde desta segunda-feira, na Sede Administrativa, definiu a renovação de contrato do goleiro Fábio com o Cruzeiro até dezembro de 2019. Jogador que mais vezes defendeu o clube celeste na história – 739 -, o camisa 1 tinha vínculo com a Raposa até julho de 2018. Ele receberá um reajuste salarial para seguir em Belo Horizonte por mais dois anos.

A renovação de contrato do goleiro Fábio já foi definida pela nova gestão do Cruzeiro, capitaneada pelo presidente eleito Wagner Pires de Sá. Essa é a segunda medida do novo gestor, que também definiu a ampliação do técnico Mano Menezes, anunciada na última sexta-feira.

O novo contrato de Fábio poderá fazer o goleiro bater ainda mais recordes com a camisa do Cruzeiro. Ele deverá superar Paulo César Borges e se tornar o camisa 1 mais velho a atuar pelo clube – Borges tinha 38 anos quando defendeu a Raposa em 1998. Além disso, pode se tornar o jogador que mais disputou partidas na história do Campeonato Brasileiro. Atualmente, o posto é de Rogério Ceni, ex-arqueiro do São Paulo, que atuou em 575 compromissos, mas já se aposentou dos gramados. O ídolo do Cruzeiro tem 522 jogos em Brasileiros.

Representante de Fábio, o empresário João Sérgio comemorou a rapidez das negociações e garantiu que Fábio ficou muito feliz com o que lhe foi oferecido. “Foi super tranquilo, sem muitos desgastes ou quase nenhum. O Fábio está muito feliz, renovou até 31 de dezembro de 2019. São dois anos, mas tenho certeza que quando chegar lá ele vai renovar por mais um tempo. Na minha ótica, vai jogar até os 40 (anos). Ele está muito feliz”, disse o procurador do camisa 1 à reportagem.

Em 13 temporadas consecutivas como titular do Cruzeiro (desde janeiro de 2005), Fábio ganhou cinco edições do Campeonato Mineiro (2006, 2008, 2009, 2011 e 2014), duas do Brasileiro (2013 e 2014) e uma da Copa do Brasil (2017). Na condição de reserva, ele fez parte do grupo campeão da Copa do Brasil, em 2000. O goleiro ainda passou por União Bandeirante, Atlético-PR e Vasco. Pelo clube carioca fez 150 jogos e também conquistou títulos importantes, como o Brasileiro e a Copa Mercosul em 2000.

Depois da reunião, Fábio usou sua conta no Instagram para comemorar a ampliação do vínculo:

https://www.instagram.com/p/BampA6rHmwm/?taken-by=fabiogoleirooficial

Superesportes

LEIA TAMBÉM!