ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Enderson esconde time do América para clássico contra o Cruzeiro

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Divulgação

Um treino na manhã deste sábado fechará a preparação do América para o primeiro duelo com o Cruzeiro pela semifinal do Campeonato Mineiro, marcado para domingo, às 16h, no Independência. Mas, ao que tudo indica, o técnico Enderson Moreira levará dúvidas na escalação até minutos antes da partida na tentativa de surpreender o rival.

Uma das novidades na lista de relacionados será o armador Ruy, de 28 anos, contratado ao Coritiba e apresentado esta semana. “Só se houver algum problema físico que o impeça de atuar, mas ele será relacionado para domingo”, adiantou o treinador.

Sobre a equipe titular, o único setor aparentemente definido é a defesa, que terá o goleiro João Ricardo, o lateral-direito Auro, os zagueiros Messias e Rafael Lima e o lateral-esquerdo Ernandes.

No meio-campo, Enderson Moreira muito provavelmente manterá o trio de volantes composto por Gustavo Blanco, Juninho e Christian. Esse último volta ao time no clássico após ser poupado diante do Villa Nova na última rodada da fase de classificação.

As principais incógnitas estão na criação e na formação de ataque. Até então, Renan Oliveira vinha jogando como único armador e tinha a companhia na frente de dois atacantes. Se mantiver o esquema, Enderson deve formar a dupla ofensiva com Mike e Hugo Almeida, recuperado de lesão muscular que o tirou das três últimas partidas.

Para a armação, o treinador ainda dispõe de Gérson Magrão, Matheusinho e Ruy. Já as alternativas no ataque são Felipe Amorim, Pilar e Rubens.

Por ter feito melhor campanha, o Cruzeiro entra na semifinal com a vantagem de jogar por dois empates ou por vitória e derrota pela mesma diferença de gols. Logo, caberá ao América ir ao ataque neste domingo para conquistar uma vitória em casa.

Enderson vê o adversário em bom momento na temporada, por já vir com uma base desde 2016 sob o comando de Mano Menezes, mas confia no potencial do América. “O Cruzeiro é um dos clubes que entrou com vantagem na temporada por ter mantido o treinador e quase todos os jogadores. É uma equipe de muita qualidade, mas estamos nos preparando para buscar o resultado que precisamos”, disse o técnico nesta sexta-feira.

Superesportes

LEIA TAMBÉM!