Ezequiel faz treino físico no Cruzeiro e deve continuar fora; Hudson será reavaliado

Augusto Ikeda

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Augusto Ikeda

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Fonte: Alexandre Guzanshe/EM DA Press

Depois da vitória sobre o Palmeiras (3 a 1), no Mineirão, o Cruzeiro treinou na manhã desta segunda-feira. Os titulares fizeram uma atividade regenerativa. Já os atletas que não entraram em campo no domingo participaram de um treino técnico em campo.

Quem segue fora é o lateral-direito Ezequiel. Ele fez um treino físico nesta manhã. Titular absoluto da lateral direita, Ezequiel teve constatado um quadro agudo de lesão no púbis. O departamento médico não projetou um prazo determinado de recuperação. Outro que não enfrenta o Atlético-PR, nesta quarta-feira, às 21h45, na Arena da Baixada, é o volante Ariel Cabral. Ele foi punido na partida de domingo e fica suspenso por acúmulo de cartões amarelos.

Com a baixa de Ezequiel, o Cruzeiro seguirá improvisando Romero na lateral direita. O argentino tem se destacado em campo mesmo fora da posição de origem. Contra o Palmeiras, ele foi seguro defensivamente e contribuiu decisivamente no segundo gol celeste, quando chutou forte na direção de Hudson, que desviou para o gol.

Mano já deixou claro que não pretende contar com o reserva imediato da lateral direita do Cruzeiro. Lennon, contratado com o aval do técnico, deve ser negociado pela diretoria. Em contato com o Superesportes nesta segunda, o atleta disse que seu agente e o clube devem resolver a situação dele. “Eu vou continuar treinando, fazendo o meu trabalho. Deixo o meu futuro com meu empresário e a direitoria do Cruzeiro. Enquanto isso, sigo trabalhando”, resumiu Lennon.

A carência na lateral direita reforça a ação do Cruzeiro no mercado. A diretoria deve tentar resolver o problema do setor contratando um atleta para a posição. Alguns jogadores já foram oferecidos. Um deles é o paraguaio Raul Cáceres, de 25 anos, do Cerro Porteño-PAR. Ele foi oferecido aos diretores celestes por Regis Marques, agente de bom trânsito em equipes da América do Sul.

Hudson

O técnico Mano Menezes pode ter que rever todo o sistema tático, já que perdeu Cabral e pode ficar sem Hudson também. Ele deixou o jogo contra o Palmeiras sentindo dores na coxa direita. O Cruzeiro informa que Hudson será reavaliado.

Superesportes

LEIA TAMBÉM!