Histórico – brasileiro é tetra no Pan-Americano de Tênis de Mesa

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Atleta carioca é o primeiro a conquistar o Pan da modalidade em quatro anos consecutivos

O mesatenista Hugo Calderano entrou para a história do tênis de mesa ao se tornar o primeiro tetracampeão consecutivo do Pan-americano da modalidade. Vencedor em 2014, 2015 e 2016, Hugo confirmou a condição de melhor jogador do continente e conquistou, neste fim de semana, a medalha de ouro da competição, disputada em Cartagena, na Colômbia. Hugo chegou ao lugar mais alto do pódio sem sustos. Venceu facilmente o argentino Horácio Cifuentes, na semifinal, por 4 a 0. Depois, em final verde e amarela, também não teve dificuldades contra Thiago Monteiro, e repetiu o placar da partida anterior.

Um dos melhores jogadores brasileiros de todos os tempos e 26º do ranking mundial da modalidade, melhor posição já alcançada por um atleta brasileiro, Hugo Calderano entrou como favorito absoluto do torneio. O atual número um das Américas não deu chances para os adversários. Disputou cinco partidas e perdeu apenas um set em toda a competição – para o cubano Jorge Campos, nas quartas de final.

No total, o Brasil terminou a competição com cinco medalhas de ouro. Além do individual masculino, Eric Jouti e Vitor Ishiy levaram o título nas duplas masculinas após baterem os cubanos Jorge Campos e Andy Pereira. Os atletas brasileiros também saíram vitoriosos nas disputas por equipe masculina, feminina e duplas mistas, com Bruna Takahashi e Vitor Ishiy derrotando os compatriotas Eric Jouti e Lin Gui.

O Brasil conquistou também duas medalhas de bronze, com Bruna Takahashi no individual feminino e Bruna Takahashi e Lin Gui nas duplas femininas.

COB

LEIA TAMBÉM!