ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Jogadores destacam importância do jogo contra a Chape

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Os jogadores que estão relacionados para a partida contra a Chapecoense, nesta quarta-feira, pela Copa da Primeira Liga, ressaltam a importância do confronto em Santa Catarina. A partida será disputada às 19h30, na Arena Condá.

Segundo eles, além de valer a classificação à próxima fase do torneio, o jogo no interior catarinense representa uma grande oportunidade para os atletas mostrarem seu potencial para o técnico Roger Machado.
“É um jogo importante para quem vem atuando menos tempo, entrando no decorrer das partidas, e muitos jogadores que ainda não jogaram esse ano. Vamos procurar aproveitar da melhor maneira possível e a gente espera ir lá e conseguir uma vitória ou, no mínimo, um empate par a gente se classificar”, disse o atacante Clayton.

“É uma oportunidade de ouro, então, tenho que agarrar da melhor maneira possível para mostrar meu valor, minha qualidade, para ele (Roger Machado, técnico) poder me escalar mais vezes e contar comigo no decorrer dos campeonatos”, acrescentou Clayton.
O lateral-direito Carlos César afirma que o pensamento atleticano é de vitória em Chapecó.

“É um jogo muito importante e um privilégio para quem já está entrando poder disputar uma decisão. Então, vamos com esse foco, de poder buscar um bom resultado lá. Vamos em busca da vitória, mas sabendo que, possivelmente, um empate nos garante a classificação. Então, o pensamento é esse. Trabalhamos o posicionamento da equipe para chegar lá e jogar de maneira organizada, para não sentir tanto o fato de jogar com um time alternativo”, comentou o lateral.

Carlos César completou observando que o futebol é muito dinâmico e que os jogadores precisam aproveitar todas as oportunidades que aparecem.

“Para aproveitar as oportunidades, a gente tem que trabalhar forte e pensar nelas. Se a gente pensar que merece estar jogando, que tem que estar jogando, a gente se esquece de trabalhar. No ano passado, no começo do ano, eu não estava nem nos planos e acabei fazendo mais de 40 jogos. Então, o importante é estar focado e preparado para jogar”, concluiu.

Site Oficial Atlético Mineiro

LEIA TAMBÉM!