Jogos Paralímpicos: Brasil conta com a participação de 259 competidores

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Expectativa é de manter Brasil no top 10 no quadro geral de medalhas na competição de Tóquio

O Brasil inicia sua participação nos Jogos Paralímpicos de Tóquio com a maior delegação em uma edição fora do país. O evento, que começa a partir de amanhã (24.ago), terá a participação de 434 brasileiros, sendo 259 atletas — 163 homens e 96 mulheres. Segundo o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), a expectativa é de manter o país no top 10 no quadro geral de medalhas e, se possível, superar o desempenho dos Jogos do Rio 2016, quando terminou na oitava colocação.

Os atletas brasileiros competirão a partir da primeira noite dos Jogos, estreado a seleção masculina de goalball, bicampeã mundial, e natação. Os atletas também estarão presentes nas disputas de atletismo, bocha, canoagem, ciclismo, esgrima em cadeira de rodas, futebol de 5, halterofilismo, hipismo, judô, parabadminton, parataekwondo, remo, tênis de mesa, tênis em cadeira de rodas, tiro com arco, tiro esportivo e vôlei sentado. O Brasil não possui participantes apenas no basquete em cadeira de rodas e no rúgbi em cadeira de rodas. 

Em relação às premiações, os medalhistas de ouro em provas individuais receberão R$ 160 mil por medalha, enquanto a prata renderá R$ 64 mil cada e o bronze, R$ 32 mil. O título paralímpico em modalidades coletivas, por equipes, revezamentos e em pares (bocha), valerá um prêmio de R$ 80 mil por atleta. Já a prata, neste caso, será bonificada com R$ 32 mil e o bronze, com R$ 16 mil.

Os Jogos Paralímpicos serão realizados até o dia 5 de setembro e contarão com 539 competições. O evento é destinado a participantes com deficiências físicas (de mobilidade, amputações, cegueira ou paralisia cerebral) e mentais.

SBT NEWS

LEIA TAMBÉM!