Mano vê justiça em empate entre Cruzeiro e Corinthians: ‘Está dentro da normalidade’

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Mano Menezes disse que empate com líder do Campeonato Brasileiro está dentro da normalidade Fonte: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

O técnico Mano Menezes considerou justo o empate entre Cruzeiro e Corinthians (1 a 1), no Mineirão, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. De maneira resumida, o treinador disse que as equipes se revezaram no controle do jogo e por isso ficaram na igualdade neste domingo. A Raposa saiu na frente com Rafinha, aos 19min do primeiro tempo. Clayson empatou para o Timão, aos 39min da etapa final.

“Achei o resultado justo pelo que jogaram as duas equipes. Nós saímos na frente, depois sofremos bastante. Aí não era uma questão física, e sim tática. Precisávamos ajustar. No segundo tempo voltamos melhores, conseguimos equilibrar mais, mesmo com o Corinthians tendo mais posse de bola. Na segunda parte seria natural a gente sofrer com desgaste. Tanto que coloquei um terceiro jogador de contenção no meio-campo, coisa que não fazia há bastante tempo com nossa equipe. Mas hoje era necessário. Aí lembrando que quando sofremos o gol, não estávamos mais sendo assediados com volume tão grande do Corinthians. Mas sofremos o gol e foi estabelecida uma justiça no momento em que tínhamos contra-ataques à disposição. Aí a falta de vigor maior para definir o jogo pesou”, analisou.

Mano fez uma observação importante: enquanto o Cruzeiro sofreu desgastes em função da final da Copa do Brasil – venceu o Flamengo nos pênaltis por 5 a 3, na última quarta-feira, e comemorou intensamente o pentacampeonato –, o Corinthians teve tempo hábil para descanso e treino. Por isso não houve lamentações por parte do comandante ao fato de o time paulista ter conseguido o empate no fim da partida.

“Tudo que aconteceu hoje está dentro da normalidade, considerando o título e a decisão da quarta-feira. Jogamos contra o líder do Campeonato Brasileiro, que ficou a semana inteira treinando, e nós passamos o que passamos. Os jogadores estão de parabéns nesse aspecto. Foram briosos e eu tenho certeza de que todos estão exaustos. Tínhamos de passar por isso e passamos bem”.

O resultado no Gigante da Pampulha manteve o Cruzeiro em quinto lugar, com 41 pontos – o sexto Flamengo, que joga fora de casa nesta segunda-feira contra a Ponte Preta, soma 39 e pode ganhar a posição. Já o Corinthians permanece na liderança absoluta, com 55 pontos, a oito do segundo colocado Santos.

Superesportes

LEIA TAMBÉM!