Nesta terça tem São Paulo pela Libertadores na tela da TV Vitoriosa SBT

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

De um lado, um São Paulo que disputará o décimo jogo no intervalo de um mês. Do outro, um Racing que não atua há quase 40 dias, desde a final da Copa da Liga Argentina, que finalizou a temporada do futebol no país vizinho. É neste cenário que as equipes se enfrentam nesta terça-feira (13), às 21h30 (horário de Brasília), no Morumbi, no primeiro duelo do confronto pelas oitavas de final da Libertadores.

O Tricolor praticamente não respirou ao longo da temporada 2021, iniciada no fim de fevereiro. O jejum de nove anos sem conquistas chegou ao fim com o título paulista, mas a parte física cobrou o preço. O zagueiro Miranda, o lateral Daniel Alves, o volante Luan, o meia Martín Benítez e os atacantes Luciano e Emiliano Rigoni desfalcaram a equipe por lesão durante os últimos 30 dias. As ausências impactaram o rendimento em campo. Foram sete jogos sem vitórias, que mantiveram o São Paulo na zona de rebaixamento do Brasileirão em boa parte das primeiras rodadas. Cenário que só se modificou nas duas últimas rodadas.

“Se você [jornalista] perguntar a eles [Racing], vão dizer que nós temos vantagem, porque estamos jogamos. Para nós, não é vantagem porque temos jogado muito. Isso é o futebol, é o calendário. Temos que nos adaptarmos a situação”, afirmou o técnico do São Paulo, Hernán Crespo, em entrevista coletiva no último sábado (10), após a vitória por 1 a 0 sobre o Bahia, no Morumbi, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Contundidos, Luciano e Rigoni desfalcarão o Tricolor paulista neste primeiro embate com o Racing. Apesar de recuperado, Daniel Alves também estará ausente, pois está à serviço da seleção olímpica que disputará os Jogos de Tóquio (Japão). Por sua vez, o zagueiro Bruno Alves está suspenso. A expectativa é que Crespo escale a base da equipe que derrotou o Bahia, no último sábado (10), pelo Campeonato Brasileiro, com Tiago Volpi; Diego Costa, Robert Arboleda e Léo; Igor Vinicius, Luan, Liziero, Martín Benítez e Reinaldo; Vitor Bueno e Éder. Destes, Luan, Benítez e Éder foram poupados contra o Esquadrão de Aço.

Do lado do Racing, a dúvida é se o técnico Juan Antonio Pizzi utilizará a formação com quatro ou cinco defensores. Nos duelos anteriores contra o São Paulo, os argentinos iniciaram as partidas no 5-3-2. A provável escalação deverá ter Gabriel Arias; Juan Cáceres, Nery Domínguez, Leonardo Sigali, Maurício Martínez e Eugenio Mena; Leonel Miranda, Aníbal Moreno e Ignacio Piatti; Enzo Copetti e Tomás Chancalay.

As equipes se enfrentaram na fase de grupos da Libertadores. Pela terceira rodada, no estádio El Cilindro, em Avellaneda (Argentina), a partida terminou empatada sem gols. Na quinta rodada, o Racing ganhou por 1 a 0 no Morumbi. Os argentinos finalizaram o Grupo E na liderança com 14 pontos, três a frente dos brasileiros.

Fonte: Agência Brasil

LEIA TAMBÉM!