ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Real Madrid atropela Apoel fora de casa e confirma classificação

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Cristiano Ronaldo marcou duas vezes na goleada impiedosa do Real Madrid diante do frágil Apoel Fonte: Jack Guez/AFP

O Real Madrid não teve qualquer dificuldade para retomar a boa fase e assegurar a sua classificação à fase de mata-mata da Liga dos Campeões, nesta terça-feira. Jogando no Chipre, o time dirigido por Zinedine Zidane não teve piedade do modesto Apoel e celebrou uma contundente vitória por 6 a 0.

Ocupando apenas a terceira posição do Campeonato Espanhol, 10 pontos atrás do rival Barcelona, o Real Madrid agora ao menos certamente segue em busca do seu terceiro título consecutivo da Liga dos Campeões, o 13º na história. Soma 10 pontos no grupo H, três de desvantagem para o Tottenham, que bateu o Borussia Dortmund por 2 a 1, de virada, na Alemanha. Assim como o time alemão, o Apoel totaliza 2 e acabou eliminado.

Embora fosse o clube de menor expressão na chave, o Apoel, antes derrotado por 3 a 0 por Real Madrid e Tottenham, contava com os dois empates por 1 a 1 que alcançou diante do Borussia Dortmund para embalar. A sua torcida exibiu até um belo mosaico nas arquibancadas do Estádio GSP antes de a bola rolar, na expectativa de presenciar uma surpresa.

A esperança durou pouco – apesar de o canto do público não ter cessado. Aos 23 minutos, o Real Madrid deu início ao massacre. Em um cruzamento de Carvajal, o brasileiro Vinícius, que só passou pelo União São João antes de rumar à Europa, afastou mal a bola. Modric emendou de primeira, de fora da área, para inaugurar o marcador em Nicósia.

A goleada seria configurada ainda no primeiro tempo. Aos 38, Benzema foi acionado em uma bola bem enfiada por Kroos e não vacilou diante do goleiro Pérez. Dois minutos mais tarde, Nacho Fernández tirou proveito de um desvio de Varane em cobrança de escanteio para também deixar a sua marca. Nos acréscimos, Benzema voltou a anotar em um contra-ataque bem trabalhado, que culminou em uma assistência de Cristiano Ronaldo.

O melhor jogador do mundo guardou os seus gols para a etapa complementar. Aos quatro minutos, Cristiano Ronaldo balançou a rede de cabeça após cruzamento do brasileiro Marcelo. Aos nove, o astro português ganhou um presente quando Rueda recuou mal e Benzema pressionou: 6 a 0.

Com a vitória e a classificação asseguradas, Zidane teve tranquilidade para fazer todas as suas substituições em sequência. Theo Hernández, Ceballos e Mayoral entraram, e Marcelo, Kroos e Benzema saíram. Mesmo em ritmo mais lento a partir das mudanças, o Real Madrid continuou no campo de ataque.

O time espanhol espera que a goleada sirva de inspiração para a sequência da temporada. No sábado, pelo Campeonato Espanhol, receberá o Málaga. Pela Liga dos Campeões, o último adversário da fase de grupos será o Borussia Dortmund, em 6 de dezembro, no Santiago Bernabéu. No mesmo dia, o Apoel estará em Wembley para encerrar a sua campanha contra o Tottenham.

Superesportes

LEIA TAMBÉM!