ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

URT empata com o Atlético no Mineirão e segue na briga por uma vaga na final

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
(Imagem: Patos Hoje)

A União Recreativa dos Trabalhadores (URT) levou o seu mando de campo para Belo Horizonte e mesmo em inferioridade nas arquibancadas conseguiu segurar o time do Atlético. Depois de um primeiro tempo ruim, a equipe celeste acertou a marcação, igualou o placar e continua na briga por uma vaga na final. 20.547 torcedores compareceram ao Estádio do Mineirão. O próximo jogo acontece no Estádio Independência e a URT precisará vencer a partida para ficar com a vaga.

A superioridade do Atlético podia ser vista nas arquibancadas e dentro de campo. A equipe celeste começou o jogo muito mal, não conseguia marcar e levava muito sufoco. Lá atrás, Juninho ia salvando o Trovão Azul. Aos 10 minutos o gol só não saiu por milagre. Após falha do zagueiro Rodolfo, Rafael Moura acertou a trave, na sobra a bola chegou para Cazares que cruzou na pequena área para Robinho chutar rasteiro e Juninho defender com o pé.

A URT tentava sair nos contra-ataques, mas o máximo que conseguiu foram dois chutes de fora da área com o volante Jô, um deles passando muito perto do travessão. O Atlético respondeu rápido. Após mais uma grande defesa de Juninho, a bola sobrou para Otero ir à linha de fundo e cruzar na medida para  Elias empurrar para o gol, mas a arbitragem anulou dizendo que a bola já havia saído.

O gol do Atlético amadurecia e não demorou a sair. Após mais uma bobeada da zaga da URT que recuou mal a bola para Juninho, Rafael Moura ficou livre para bater na saída do goleiro e abrir o placar no Mineirão. A parada para hidratação fez bem à URT. O time chegou pela primeira fez com perigo e obrigou Geovani a fazer boa defesa. Se o ataque enfrentava dificuldades, pelo menos a defesa se acertou em campo.

A URT voltou melhor para o segundo tempo e conseguiu empatar logo no início. AlLan Dias carregou e tocou para Marques chutar rasteiro e deixar tudo igual. Em campo, a equipe celeste também conseguiu equilibrar as ações. O time marcava muito forte e saía rápido nos contra-ataques. Em um deles, Thiago Brito chegou em velocidade e foi travado por Marcos Rocha. Pouco depois, Allan Dias, eleito o melhor da partida, soltou a bomba e obrigou Geovani e fazer uma grande defesa.

Após mais uma parada para a hidratação, o Atlético tentou ir para o abafa com dois centroavantes, mas a URT segurou o empate em 1 a 1 e continua sonhando com a possibilidade de chegar a uma final inédita do Campeonato Mineiro. A partida será no próximo domingo no Estádio Independência. Além de jogar em casa, o Atlético tem a vantagem do empate por ter feito melhor campanha na primeira fase.

Patos Hoje

LEIA TAMBÉM!