Decreto suspende nomeação de pessoas aprovadas em processo seletivo da prefeitura

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Recentemente, algumas pessoas que foram aprovadas em um processo seletivo promovido pela Prefeitura de Uberlândia tiveram suas nomeações suspensas por meio de decreto, o que gerou muita revolta entre os aprovados.

Uma das pessoas prejudicadas é a auxiliar de serviços gerais Eliene Maria da Silva, que estava prestes a ser nomeada para seu cargo. Um questionamento que ela faz é que pessoas com classificação semelhante a sua conseguiram assinar contrato.

“Fizeram a gente fazer todo o processo, chamaram a gente. Eu, pelo menos, quando cheguei lá, não podia assinar o contrato. Acho que teve muitas pessoas que estavam nessa classificação que foram lá e assinaram o contrato”, disse.

Em nota, a Secretaria Municipal de Administração informou o seguinte: “em razão da situação financeira do município, foi publicado o decreto nº 17.263, em 1º de setembro de 2017, o qual suspende para este ano contratações e nomeação de pessoal até o encerramento do exercício financeiro, ressalvados os casos excepcionais e extremamente necessários, devidamente justificados pelo executivo municipal.”

Informações no local: Kátia Medeiros

LEIA TAMBÉM!