Geral

Família cobra informação sobre causa da morte de um paciente de Tupaciguara em Araguari

Enviado por: Redação V9 09/05/2017

A família de um rapaz que foi transferido da Policlínica de Tupaciguara para um hospital de Araguari e acabou morrendo, quer uma explicação do caso. Fica um jogo de empurra de um lado para o outro e ninguém sabe do que o jovem morreu.

Para a família, a morte de Enodes Rios Ferreira, que aconteceu no último dia 05 de abril, pode ter sido em decorrência de um erro médico. Os parentes buscam ajuda para que as investigações alcancem uma verdadeira resposta.

Confira a reportagem de André Silva

A prefeitura de Tupaciguara, por meio da secretaria de saúde, esclarece que:

A fatalidade ocorrida com o jovem enodes, 24 anos no dia 04 de abril. Segundo o prontuário no dia 1º de abril o jovem deu entrada na unidade mista de saúde Dr. Jarbas de Souza com queixa de náuseas, tosse e falta de ar. O médico plantonista relatou que o paciente negou febre e outras queixas, sendo somente tosse e dispneia (falta de ar). Foi solicitado exames e raio-x para melhor verificação do quadro clínico, com o resultado de derrame pleural (infiltração nos pulmões). O médico receitou a medicação para que o paciente pudesse melhorar seu quadro clínico e o liberou para o tratamento em casa. O médico solicitou uma vaga no sus fácil, sendo negada em Uberlândia e Araguari, mas a coordenadora da unidade ligou novamente para a santa casa de Araguari que aceitou o paciente. Assim as 9:20 o paciente foi transferido. Entubado para as devidas intervenções de emergência. A secretaria de saúde informa que o paciente recebeu todos os procedimentos necessários e que o mesmo foi em vida para a Santa Casa de Araguari, onde o mesmo deu entrada na UTI e não resistiu aos procedimentos…”

Comentários...