ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Idosa com inflamação no pé morre na UAI durante espera por transferência

Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Uma idosa morreu nesta terça-feira, 4, na Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do Roosevelt, zona norte de Uberlândia, enquanto aguardava uma transferência para um dos hospitais públicos da cidade. A equipe da TV Vitoriosa chegou a fazer uma reportagem com a família clamando às autoridades pela transferência, mas, logo após a veiculação no Chumbo Grosso 1ª Edição, Maria Auxiliadora de Brito, de 71 anos, não resistiu.

De acordo com a gestora de Recursos Humanos (RH) Rosimeire de Brito, a rotina da família nos últimos tempos era de idas e vindas à UAI, por conta da mãe, internada desde o dia 17 de março. Maria Auxiliadora apresentava uma inflamação no dedo mínimo do pé.

Sem conseguir uma vaga para cirurgia de emergência, de lá para cá a situação piorou, e a idosa, que chegou andando na unidade de saúde, não se levantou mais. De acordo com a família, a Prefeitura informou que a paciente entrou na fila da regulação e espera pela transferência. Após dez dias de internação, o risco de perder o dedo fez a filha ir à justiça. Um mandado exigindo a transferência em caráter de urgência foi expedido, mas não foi cumprido.

A punição para cada dia de descumprimento foi elevada de R$ 10 mil para R$ 50 mil, imposta ao município. O temor da filha era a evolução do quadro clínico para a necessidade de amputação do pé, ou até mesmo o óbito.

Infelizmente foi o que aconteceu.

Repórter no local: Carlos Vilela

LEIA TAMBÉM!