ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Justiça determina suspensão da reforma da passarela na Avenida João Naves de Ávila

Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Foto: Prefeitura de Uberlândia / Divulgação

Uma liminar da Justiça de Uberlândia determina a suspensão da reforma da passarela sobre a Avenida João Naves de Ávila, próximo ao Shopping do Bairro Tibery, em Uberlândia. A ordem veio menos de um mês depois do início da obra, por conta da falta de licitação para o trabalho. A decisão é do juiz da 1ª vara de Fazenda Pública João Ecyr Mota Ferreira, a partir da ação do vereador Adriano Zago.

Segundo o magistrado, a falta de licitação é injustificada, uma vez que ela não está em funcionamento e que existe um semáforo no local que permite aos pedestres atravessarem a avenida, não havendo urgência para reforma.

A ação ainda pede a devolução do valor pago até agora, além da suspensão de outros pagamentos. O valor da reforma é de quase R$ 180 mil. O vereador ainda salientou que a mesma empresa que fez a obra, toca atualmente a reforma. O que deveria ter acontecido, segundo Zago, era a empresa ter dado garantia da obra.

Com informações de Vinícius Lemos

https://www.youtube.com/watch?v=OCoFFVa1Kyk&feature=youtu.be

LEIA TAMBÉM!