ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Mulher desabafa sobre morte do pai em UAI após diagnóstico errado

Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Elissandra de Melo procurou a equipe da TV Vitoriosa para fazer um desabafo sobre a morte do pai, Francisco de Melo, de 72 anos, registrada em janeiro deste ano, na Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do Planalto. Segundo a mulher, o pai dela ficou alguns dias internado na UAI com diagnóstico dos médicos indicando infecção urinária.

A família teria gasto R$ 400 em injeções para tratar o problema, que persistiu e ele teve que ser internado novamente para continuar o tratamento. Com o passar do tempo Francisco começou a inchar o abdômen e a próstata. Elissandra afirma que as fezes saíam pelo pênis e até pela boca do pai. Mas o diagnóstico de infecção urinária era mantido.

Ainda segundo relatos da mulher, somente quando não havia mais recursos, Francisco foi transferido para o Hospital Municipal, onde o diagnóstico a partir de exames de ultrassom indicou câncer de próstata. Mas o paciente não resistiu.

Elissandra afirma que o desabafo é para alertar a administração pública quanto aos maus profissionais que atuam na área da saúde. Ela também perdeu a mãe na UAI Planalto em data anterior e critica a falta de profissionalismo para tratar doenças que não sejam uma simples virose.

Confira nas reportagens de Léo Carvalho

https://www.youtube.com/watch?v=y6quBFsMgp0

 

https://www.youtube.com/watch?v=Rpfi_4_ZMYE

LEIA TAMBÉM!

Municípios do Triângulo aderem à greve parcial dos Correios

Os Correios anunciaram nesta manhã uma …

BB passa a oferecer atendimento por assistente de voz do Google

Os correntistas do Banco do Brasil …

Trio é preso com armas, mais de 130 munições e quase 15KG de crack

Três suspeitos foram presos nesta terça-feira, 18, …

Juízes auxiliares do STF terminam fase de depoimentos de delatores da Odebrecht

Os juízes auxiliares do Supremo Tribunal …