Pesquisa revela perfil imobiliário de Uberlândia no segundo trimestre de 2017

Augusto Ikeda

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Augusto Ikeda

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

O Sindicato da Indústria da Construção Civil de Uberlândia encomendou uma pesquisa para avaliar o mercado imobiliário do município no segundo trimestre de 2017.

Os dados foram colhidos entre os meses de abril e junho de 2017, e não houve mudanças muito significativas em relação ao primeiro trimestre desse ano.

“A cidade continua lançando bastante imóvel, então a gente tem no semestre, como um todo, quase três mil unidades lançado. No segundo trimestre, caiu um pouco o volume de lançamentos, mas no acumulado temos quase três mil unidades”, disse Marcos Kahtalian, diretor da empresa Brain, responsável por realizar a pesquisa.

O diretor também disse que a cidade apresenta algumas características peculiares na hora de comprar um imóvel. “Quase 85% da oferta da cidade é o produto que chamamos “econômico”, ou seja, que está no limite do (programa) Minha Casa, Minha Vida.”, disse Marcos.

Pouco mais de 16 mil unidades lançadas

Segundo a pesquisa, Uberlândia lançou 16.477 unidades residenciais, entre os meses de janeiro e junho, sendo que 41,8% desse total representam prédios, além de 279 estabelecimentos comerciais.

O preço médio de uma unidade fica na casa dos 260 mil reais, possui 47 metros quadrados e costuma ter dois quartos.

Informações no local: Camila Rabelo

 

LEIA TAMBÉM!