Geral

Secretaria de Saúde realiza vacinação contra Febre Amarela na Femec

Enviado por: Redação V9 22/03/2017

Dando continuidade às ações preventivas de vacinação contra a febre amarela, o Programa Municipal de Imunização, da Secretaria Municipal de Saúde, realizará uma ação estratégica de vacinação durante a 6º edição da Femec. Entre os dias 22 e 25 de março, das 13h às 20h, a equipe realizará a imunização dos participantes e visitantes da feira, além de reforçar a importância da vacinação na zona rural e dos pontos fixos de vacinação em cinco regiões que foram montados fora do perímetro urbano.

De acordo com a coordenadora do Programa Municipal de Imunização, Claúbia Oliveira, a ação integra uma sequência das estratégias de prevenção que têm sido realizadas em Uberlândia desde o mês de fevereiro, quando as equipes iniciaram a força-tarefa em alguns bairros da cidade. “Queremos aproveitar esse momento de contato mais próximo com os produtores para reforçar a questão da proteção contra a doença, principalmente na zona rural. Esses pontos de imunização que teremos instalados em diversas áreas da zona rural dão oportunidade àqueles que ainda não receberam a vacina”, explicou.

Segundo Cláubia, entre os dias 27 e 30 de março, das 8h às 16h, as equipes de imunização estarão nos Postos de Informação de Triatomíneo (PITs) nas regiões de Cruzeiro dos Peixotos, Martinésia, Miranda, Miraporanga e saída para Uberaba. (confira tabela abaixo).

Trabalho não para

Desde janeiro, já foram vacinadas mais de 60 mil pessoas em Uberlândia, sendo que 15 mil foram no último sábado (18) durante o mutirão da vacinação contra a febre amarela.  A ação aconteceu em todas as unidades de saúde da cidade, das 8h às 17h. Em contrapartida, no mesmo período do ano passado, pouco mais de oito mil doses foram aplicadas.

O mutirão realizado pelo Programa de Imunização, segundo a coordenadora, veio para facilitar o acesso das pessoas que trabalham nos dias de semana e que não conseguiam tomar a vacina. “Nossa intenção é realizar o máximo de vacinação possível para que todos possam ficar imunizados”, disse.

A intensificação da vacina passou a ser feita após a cidade entrar nas categorias 2 e 3, que é quando há epizootias (morte de macacos) em investigação ou confirmadas.  Por isso, atualmente as equipes de vacinação estão aplicando as doses nos seguintes casos:

– crianças a partir dos de 6 meses;
– vacinação de rotina 5 a 59 anos;
– idosos: mediante apresentação de relatório médico;
– gestantes: devem ser avaliadas caso a caso e autorizadas por meio de relatório médico;
– lactantes: para mães que estão em amamentação de crianças com menos de seis meses, a vacinação deverá ser EVITADA. Caso seja inevitável aplicar a vacina, deve-se suspender o aleitamento materno por 28 dias.

Prefeitura de Uberlândia

Comentários...