Ator do Grupontapé cria monólogo para ser apresentado na internet

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Imanol Tolaretxipi interpretará “Hombre Hueco (Homem Oco) uma poética derrota” nos dias 9 e 11 de junho em apenas quatro sessões

Os desafios da pandemia de Covid-19 continuam para os artistas, que se apegaram na criatividade para permanecerem ativos e fomentando a arte e a cultura. Um exemplo é o ator do Grupontapé de Uberlândia, Cia. de teatro que está há mais de 20 anos na estrada, Imanol Tolaretxipi. Ele criou o monólogo “Hombre Hueco (Homem Oco) uma poética derrota” para ser apresentado na internet e o lançará nos próximos dias 9 e 11 de junho, sempre em duas sessões: 15 e 19 horas, no próprio canal do YouTube.

Segundo o ator, Homem Oco surge com a proposta teatral de enfatizar a beleza poética da derrota mais absoluta, em uma tentativa de demonstrar que na ruína há verdadeira poesia e que isso pode ser belo tanto estética quanto intimamente.

O conteúdo do monólogo explora vários fatos familiares, alguns bons, outros verdadeiras tragédias. “A maior parte deles registrados na intimidade do meu núcleo familiar, mas que poderia ter acontecido e acontece em qualquer família”, destaca o ator.

O cenário e figurino remetem ao mundo do boxe. Imanol Tolaretxipi explica que a incursão no esporte, facilitada pelo Grupontapé, por meio das facilidades oferecidas para a prática de esportes e treinamento corporal, inspirou a criação de Homem Oco. “A ideia foi tomando forma, quando apresentei a proposta à poetisa Basca Eli Tolaretxipi, que se dispôs a colocar o texto no lugar exato e criar a ideia. O fato de ela ser membro da família contribuiu bastante para a concretização do trabalho, pois permitiu uma compreensão íntima da mensagem do texto”, comenta Imanol Tolaretxipi.

A apresentação foi gravada na Escola Livre do Grupontapé, em Uberlândia-MG, local que, segundo o autor, possibilitou a adaptação do cenário. O figurino, composto de um simples terno e componentes típicos de um boxer é algo já finalizado neste espetáculo. Todavia, a intenção do artista é que o trabalho, num futuro imediato, envolva mais pessoas no estudo de corpo, sonoplastia, iluminação.

“Em definitiva a mise-en-scène, o estudo da cenografia constituída a partir de objetos, figurino e adereços que se conjugam verbalmente e cenograficamente com o texto está já avançado. É tudo muito simples como a vida deveria ser”, afirma Imanol Tolaretxipi.

Apresentações
O monólogo será apresentado em duas sessões durante os dois dias, e após as apresentações será retirado do ar. “As exibições estão abertas para todo o público e será uma experiência incrível compartilhar essa criação com as pessoas que simpatizam com o teatro. Uma distração a mais neste momento de pandemia e isolamento social”, finaliza o ator.

Serviço:
O quê: “Hombre Hueco (Homem Oco) uma poética derrota”
Quando:
09/06/2021 (quarta-feira), às 15 horas
09/06/2021 (quarta-feira), às 19 horas
11/06/2021 (sexta-feira), às 15 horas
11/06/2021 (sexta-feira), às 19 horas
Onde: canal YouTube: https://www.youtube.com/user/imanol900

Ficha Técnica
Elenco: Imanol Tolaretxipi
Equipe de Criação: Imanol Tolaretxipi E Convidados.
Direção: Imanol Tolaretxipi E Rivian Dionisio.
Trilha Sonora: Imanol Tolaretxipi/ Rivian Dionisio/Welerson Filho
Texto: Eli Tolaretxipi
Concepção e iluminação: Mário Leonardo
Figurino: Imanol Tolaretxipi
Preparação Vocal: Takey Sport Academia/Grupontapé
Câmera/Filmagem/ Edição: Renato Torrone

Mais informações:
Érica Magalhães
Assessora de Imprensa
(34) 99199-9944

LEIA TAMBÉM!