ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Cachorro atropelado passou 8h em cirurgia; ele teve várias fraturas e o baço removido

Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Após mais de 8 horas de cirurgia no Hospital Veterinário da UFU, o cachorro que foi atropelado na manhã de segunda-feira, 27, na Avenida Professora Minervina Cândida de Oliveira, marginal da BR-365, no Bairro Bom Jesus, está internado em um hospital particular de Uberlândia.

O cão foi avaliado por uma equipe de médicos veterinários especialistas em animais domésticos. Ele sofreu várias fraturas na face e precisou ter o baço removido. Exames laboratoriais apresentaram alterações hepáticas e outras, que carecem de análise para melhor avaliar o quadro de saúde.

De acordo com o sargento Eduardo Venâncio, da Polícia Ambiental, como não há local de internação no hospital veterinário da UFU a protetora de animais Drika removeu o animal, juntamente com os policiais ambientais, para o hospital particular.

A polícia informa ainda que a internação tem um custo, que foi assumido pela Drika Protetora. Ela lançou campanha na rede social para salvar o cachorro.

A luta deste cachorro está apenas começando. Outras cirurgias terão que ser feitas e outros procedimentos médicos veterinários. O Hospital Veterinário da UFU  fará as cirurgias e os procedimentos, mas toda noite o animal terá que ser levado para o hospital particular para ficar internado sob cuidados médicos veterinários, o que gera custo“, afirma o sargento Eduardo.

Quem quiser ajudar pode entrar em contato com a Drika Protetora pelo facebook.

O cão foi batizado de Edu, em homenagem ao Sargento Eduardo Venâncio.

LEIA TAMBÉM!