ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Detentos são acusados de assassinar colega de cela e simular suicídio

Isabela Lamark

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
(Foto: Patos Hoje)

Um presidiário foi encontrado morto dentro de uma cela do Presídio Sebastião Satiro, em Patos de Minas, na madrugada de sexta-feira, 10. De acordo com a Polícia Militar, o detento identificado como Thiago foi encontrado sem vida com um lençol amarrado no pescoço. No boletim de ocorrência constava suicídio.

A Perícia da Polícia Civil esteve no local e abriu um inquérito para apurar as reais causas da morte. Neste domingo, 12, um colega de cela da vítima confessou o crime. O suspeito Vanderli Amorim da Silva Júnior afirmou que tinha uma desavença com a vítima e que, na madrugada de sexta, ele asfixiou a oponente até a morte.

Amorim acordou outro detento para ajudar a pendurar o homem para simular um suicídio. O segundo suspeito confirmou a versão de Vanderlei e disse que confessou o crime para não prejudicar os colegas de cela. Um inquérito foi aberto para investigar o caso.

Por Patos Hoje

LEIA TAMBÉM!