Polícia

Homem é espancado até a morte com pedaço de concreto em Araguari

Enviado por: Carolina Vilela 09/05/2017

Cenas impressionantes registram um crime – um morador de rua foi espancado até a morte em Araguari. Pior do que isso é a frieza com que o suspeito do assassinato relata o fato. E o homicídio, registrado na madrugada desta terça-feira, 9, poderia ter passado despercebido, se a Polícia Militar não tivesse patrulhando pela Avenida Batalhão Mauá, no Bairro Santa Helena, justamente no horário do fato.

Leandro Souza, de 36 anos, foi flagrado pelos militares saindo de trás de um arbusto montado em uma bicicleta, sujo de sangue. “Deparamos com ele debaixo da árvore, e quando nos avistou, ele saiu do local, pulou vários muros de residências a três quarteirões e conseguimos contê-lo, algemá-lo e colocá-lo no cofre da viatura. Até então não sabíamos de nada. Ele simplesmente saiu de debaixo de uma árvore, no escuro. Voltamos com ele pra ver o que tinha acontecido e deparamos com um corpo de um homem. Ele tinha o crânio todo esfacelado.

A vítima estava com as calças arriadas até os joelhos, deitada de bruços e irreconhecível. Com um pedaço de concreto foram dadas várias pancadas na cabeça da vítima. O suspeito contou que a vítima era um morador de rua conhecido como Barba, mas nega ter praticado o homicídio.

 

Videorrepórter: Bruno Rocha

Comentários...