Polícia

Homem é executado com pelo menos 10 tiros de pistola .380 no Residencial Pequis

Enviado por: Carolina Vilela 26/04/2017

Uberlândia registrou nesta madrugada de quarta-feira, 26, o homicídio de número 37 neste ano de 2017. O crime aconteceu na Avenida Rio das Pedras, Bairro Residencial Pequis, zona sul da cidade, próximo a uma escola em construção. Guilherme Pereira da Silva, de 19 anos, foi executado no meio da rua com pelo menos 10 tiros de pistola calibre .380, quase todos na cabeça.

A Polícia Militar (PM) não quis gravar entrevista para não atrapalhar as investigações. Segundo o Copom, Guilherme tinha passagens por tráfico de drogas. Segundo informações, populares que passavam pela via perceberam o corpo e acionaram a policia.

Populares no local disseram ter ouvido disparos de arma de fogo, mas não tiveram tempo de ver o atirador, apenas a vítima caída.

A perícia constatou perfurações nos braços, costas, tórax, pescoço, costas e crânio.

Família acredita em acerto por dívida de drogas

De acordo com o boletim de ocorrências, familiares de Guilherme acreditam que o fato pode estar ligado a dívidas de drogas. A mãe relatou que a vítima teria sido presa por várias vezes por tráfico de drogas. Em consulta ao sistema policial há 06 registros de tráfico e uma receptação.

A mãe de Guilherme ainda relatou que ele estava na avenida falando ao celular e que, por duas vezes, o chamou pra ir para casa. Ele estava a aproximadamente 100 metros de casa. Cinco minutos após o segundo chamado da mãe, populares foram até ela relatando o homicídio do filho.

O aparelho celular que Guilherme usava não foi localizado. O corpo foi encaminhado ao IML.

Repórter no local: Léo Carvalho

Comentários...