Homossexual entra em coma induzido após ser agredido e furtado em Uberlândia

Darah Gomes

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Darah Gomes

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
(Imagem da vítima cedida para TV Vitoriosa)

Um homem foi agredido nesta quinta-feira, 19, em Uberlândia. A suspeita é de que o crime tenha sido motivado por homofobia.

Divino Aparecido da Silva, de 33 anos, chegou em casa com um corte profundo na cabeça e sem pertences, como carteira, tênis, pasta e celular. Logo após entrar na residência, ele desmaiou e foi levado para Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do Bairro Tibery, onde entrou em coma induzido.

Ainda não há informações sobre o possível suspeito do crime, mas familiares da vítima acreditam que a motivação tenha sido homofobia.

A família de Divino pedem para que a vítima seja transferida o mais rápido possível para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU).

A identidade da vítima foi encontrada no Bairro Lagoinha.

Informações por Léo Soares

LEIA TAMBÉM!