Menino de 3 anos é encontrado morto em apartamento e mãe é indiciada por homicídio qualificado

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

O menino Gael de Freitas Nunes de 3 anos, foi encontrado desacordado pela tia-avó, nesta segunda (10), num apartamento em São Paulo. Segundo informações do boletim de ocorrência, a mãe, que não teve a identidade revelada, estava com ele. A criança foi levada à Santa Casa de São Paulo, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda segundo a tia-avó, a mãe do garoto já foi internada cerca de quatro vezes. A tia não soube dizer, no entanto, se as internações foram por motivos psiquiátricos.

No depoimento, a idosa disse que cerca de cinco minutos depois ouviu barulho de batidas na parede, que imaginou serem no vizinho. Neste instante, segundo o relato, a criança parou de chorar.

A tia-avó afirmou que, entre dez e 15 minutos se passaram, quando ouviu barulho de vidros quebrados na cozinha. A idosa disse à polícia que foi até lá e encontrou o menino deitado no chão, coberto por uma talha de mesa, e com vômito por perto.

Segundo a Polícia Militar, que foi acionada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), informações preliminares apontam que a mãe teria passado por um surto psicótico. A polícia apreendeu um anel que pertenceria a mãe da criança, e a perícia apontou ferimentos que podem ter sido causados pelo objeto na testa da criança.

A mãe de Gael foi presa na madrugada desta terça (11), como suspeita do assassinato do menino, segundo a Polícia o “laudo de atendimento médico” informa que a mãe “não demonstra afeto sobre a possível agressão ao filho”.

LEIA TAMBÉM!