Mulher é presa com 6,5 mil porções de cocaína e por manter laboratório de drogas no Ipanema

Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Uma mulher foi presa na noite desta quinta-feira, 28, no Bairro Ipanema, em Uberlândia. Elaine Fernandes dos Santos, de 35 anos, é suspeita de manter um laboratório para refino e preparo de drogas na Rua Nilton Ferreira Rodrigues. No imóvel foram apreendidas 6.480 porções de cocaína , 22 liquidificadores e grande quantidade de materiais usados na confecção da droga.

De acordo com a Polícia, o serviço de inteligência iniciou levantamentos naquela região, incluindo os bairros Dom Almir, Santa Luzia e Morumbi, após a prisão de um autor de tráfico de drogas no dia 09 de setembro com mais de 2.500 papelotes de cocaína. Com isso, descobriu-se que a responsável pela produção da substância ilícita seria uma mulher e que ela utilizava um veículo Celta para fazer a entrega.

Após pesquisa no sistema, os policiais conseguiram identificar que a suspeita estaria residindo na rua mencionada e fez monitoramento no local durante alguns dias. Foi possível identificar o veículo Celta, ocupado por uma mulher, saindo e voltando rapidamente.

As investigações apontam que Elaine fabricava a droga para um indivíduo que seria o dono de todo o material. Este autor tem outros gerentes que ficam por conta de recolher o dinheiro da venda da substância.

Nesta noite, Elaine foi abordada conduzindo o veículo, onde havia, nos pés do passageiro dianteiro, um saco plástico de cor preta com 30 bolsinhas de substância análoga a cocaína. Na residência dela havia um quarto exclusivo para guardar material para fabricação e embalagem de droga, tais como: vários liquidificadores; vasta quantidade de plástico amarelo; fita crepe verde que é utilizada para fechar cada papelote de substância ilícita; microondas; panelas e bandejas; balança de precisão, dentre outros.

Também encontrado um saco de lixo de tamanho grande cheio de embalagens vazias de medicamento, material que é matéria prima para produção da substância ilícita. Além de 240 bolsas com 27 papelotes de cocaína em cada uma, somando-se aproximadamente 6480 porções.

A mulher confessou que realiza produção e entrega do material e que a função dela é fazer a mistura e entregar. Elaine foi presa em flagrante delito e encaminhada à delegacia, juntamente com todos os materiais apreendidos. O veículo Celta também foi apreendido.

Materiais:

✅ 6.480 papelotes de cocaína = 240 bolsinhas
✅ 22 liquidificadores;
✅ 01 computador;
✅ 02 celulares;
✅ 01 balança de precisão
✅ 16 rolos de fita crepe na cor verde
✅ 02 rolos de saco plástico na cor amarela
✅ 01 rolo de plástico filme
✅ 01 microondas
✅ 07 bandejas de plástico
✅ 03 panelas de alumínio
✅ 02 bacias de plástico
✅ 02 bacias metálicas
✅ 07 tesouras
✅ 04 facas
✅ 06 colheres
✅ 01 saco com frascos de comprimidos
✅ acido bórico

Informações de Bruno Rocha 

LEIA TAMBÉM!