Polícia Militar combate tráfico ilícito de drogas

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Durante patrulhamento, a guarnição deparou com três indivíduos em atitude suspeita na entrada de um lote vago em Governador Valadares. Um de camisa cinza, um de camisa roxa e outro de camisa rosa, esse identificado como sendo um adolescente de 15 anos. Os militares observaram o momento em que o indivíduo de 18 anos entregou algo ao terceiro envolvido. Neste momento, o jovem de 18 anos percebeu a aproximação dos militares e alertou os colegas gritando: “sujou”. Os autores tentaram evadir, porém foram perseguidos e abordados.

Durante esta perseguição, o militar pode ver o adolescente se desfazendo de algo no chão, depois se descobriu ser um pino de cocaína. Os indivíduos após serem abordados foram questionados o que faziam naquele local, sendo respondido pelos três que estavam fazendo uso de maconha. Num bolso de uma bermuda foi localizada a quantia de R$10.

Diante do exposto e considerando haver um relatório de denúncia – DDU – em desfavor de um deles, os militares deslocaram para a casa dele no Bairro Jardim Ipê, onde em contato com seus pais, eles foram cientificados do teor do Disque Denúncia e então autorizaram a entrada dos militares no imóvel.

Durante as buscas foram localizados uma base e uma fonte de energia para carregar Rádio Comunicador e uma nota de cinquenta reais; além de vinte 20 munições intactas de calibre 38, uma balança de precisão, uma bucha de maconha e um pote de acido bórico. O imóvel vistoriado é um lote em que há duas moradas com pessoas da mesma família. O outro abordado é primo de um do rapazes e ambos tem acesso às suas residências pelo mesmo portão. Sendo assim, os militares pediram permissão aos avós do outro abordado para vistoriar o quarto dele, o que também foi permitido.

Durante esta vistoria, foi localizada uma folha de caderno contendo anotações suspeitas de serem referente à contabilidade do tráfico realizado naquela residência. Diante do exposto, foi dada voz de prisão por tráfico de drogas e posse irregular de munições; associação ao tráfico e o adolescente foi apreendido por flagrante de ato infracional.

Polícia Militar de Minas Gerais

LEIA TAMBÉM!