Suspeito de cinco homicídios em Uberlândia é preso pela PC com carro roubado, armas e drogas

Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto
Antonio Neto, conhecido como Netinho, estava com maconha, LSD, coletes balísticos, duas armas de fogo e carro roubado

Um jovem de 22 anos foi preso no Bairro Osvaldo Rezende, nesta terça-feira, 10, pela Polícia Civil, por meio da Delegacia de Homicídios de Uberlândia. Antônio Alves Rodrigues Neto já era investigado por participação em cinco homicídios na cidade.

Lucas foi assassinado a tiros – Foto de Arquivo: V9 Vitoriosa / Divulgação Internet

O mais recente deles ocorreu neste final de semana e vitimou Lucas Duarte de Oliveira, de 34 anos, em um posto de combustíveis, no cruzamento das Avenidas Imbaúbas e Dimas Machado, Bairro Planalto.

Antônio foi preso quando saía de um restaurante na Avenida Raulico Cotta Pacheco com a namorada e entrava em um veículo Jeep Renegade. O carro era produto de crime, havia sido roubado no mês passado no Bairro Mansour, e estava com placas clonadas.

Na casa do suspeito foram encontrados coletes a prova de balas, duas porções de maconha, 475 selos de LSD, R$ 265 em dinheiro e uma arma de fogo calibre 357 e outra calibre .38, além de 22 munições de ambos os calibres. Um par de placas de veículo JEX-3366 também foi apreendido.

Segundo o delegado Rafael Herrera, os investigadores já apuravam a participação de Antonio em cinco homicídios e agora pesa contra ele as demais acusações de tráfico de drogas, receptação de produto roubado e porte ilegal de armas e munições. .

Contra Antônio havia ainda um mandado de prisão preventiva expedido em Monte Alegre de Minas. Ele tem várias passagens pela Polícia.

As armas passarão pela perícia, pois podem ter sido usadas nos crimes de homicídio.

LEIA TAMBÉM!