ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Telespectador mostra peixes mortos no rio Paranaíba; suspeita é de contaminação

Carolina Vilela

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Um telespectador da TV Vitoriosa enviou um vídeo em que mostra centenas de peixes mortos no rio Paranaíba e outros córregos afluentes, no Triângulo Mineiro. A suspeita é que o rio tenha sido contaminado por um adubo líquido que vazou de um caminhão tanque na cidade de Canápolis.

O vídeo foi gravado pelos telespectadores no Córrego Condungo, onde houve mortandade de peixes, assim como em outros afluentes que desaguam no rio Paranaíba.

Foto: Divulgação

A empresa de agropecuária deve ser ouvida ainda nesta quarta-feira, 1º, em Ituiutaba, Pontal do Triângulo. No entanto informou à Polícia Ambiental que o líquido não é tóxico e sim um adubo mineral líquido que seria usado em uma plantação de cana de açúcar.

O caminhão quebrou nas imediações das ruas 5, 20 e 22, e a mangueira que dá acesso à carga se rompeu. O produto derramou no asfalto e escorreu pela rede fluvial, que deságua no Córrego Cerrado, logo abaixo do sistema de captação de água. Este córrego deságua no rio Paranaíba, bem como o Pirapitinga, sobre o qual também há reclamações.

A orientação da polícia é para que a população evite consumir água e nadar no rio Paranaíba. Um técnico do núcleo de energia ambiental também deve ir até Canápolis para avaliar o tamanho do impacto ambiental.

Segundo os homens que filmaram de uma canoa, havia diversas espécies de peixes mortas, como bagre, traíra, curvina, tilápia, lambari, pacu, piranha, entre outros.

Amostras da água foram colhidas para exames.

LEIA TAMBÉM!