Polícia

Trio é preso por falsificar atestados e receitas de anabólicos em Uberlândia

Enviado por: Carolina Vilela 07/07/2017

Três jovens foram presos em Uberlândia suspeitos de falsificar e vender atestados médicos, além de receitas de medicamentos. Inclusive foram apreendidos anabolizantes

De acordo com a Polícia, o esquema era feito por três colegas de trabalho de uma empresa de telemarketing em Uberlândia e foi derrubado depois que a chefia do call center desconfiou do papel, do carimbo e das assinaturas do médico nos atestados dos funcionários.

Mas foi a incompatibilidade entre o nome do médico e o CRM que pesou para a prova do crime. A participação do profissional e de outros profissionais de unidades de saúde foi descartada. O médico negou ter atendido qualquer um dos suspeitos.

Os presos tem 21, 25 e 27 anos. Um deles, um rapaz, teria apresentado atestado falso. A partir daí, a polícia identificou o segundo suspeito, que seria quem falsifica os atestados.

Com este suspeito também foram apreendidos anabolizantes e remédios de uso controlado. A moça detida seria quem intermediava as negociações.

Confira a reportagem completa de Carlos Vilela

Comentários...