Brasil: SP pagará seis parcelas de R$ 300 a quem perdeu parente por Covid-19

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Benefício será destinado a famílias inscritas no CadÚnico, com renda mensal de até três salários mínimos

O governo de São Paulo anunciou nesta 3ª feira (29.jun) o lançamento do programa “São Paulo Acolhe”, que vai pagar R$ 1.800 a pessoas que perderam familiares para a covid-19. O benefício será dividido em seis parcelas de R$ 300, que serão pagas entre julho e dezembro deste ano.

O público-alvo da iniciativa são famílias inscritas no CadÚnico do governo federal, com renda mensal de até 3 salários mínimos (R$ 3.300,00) que tenham perdido pelo menos um familiar vítima do novo coronavírus, podendo ser pai, mãe, avô, avó, filho, filha etc., desde que o óbito tenha ocorrido dentro do núcleo familiar.

Segundo o governo, o programa terá o investimento de R$ 20,1 milhões e vai beneficiar cerca de 11 mil famílias em todo o estado.

Este é o segundo programa de transferência de renda anunciado pela gestão estadual neste mês. No último dia 17, o governo de São Paulo lançou o programa “Vale-gás”, que auxilia famílias de baixa renda a comprarem botijão de gás no estado, oferecendo três parcelas de R$ 100 a cada dois meses.

SBT NEWS

LEIA TAMBÉM!