Política

Cartório eleitoral de Uberlândia aumenta funcionários em 50% para recadastramento biométrico

Enviado por: Carolina Vilela 23/06/2017

A partir do ano que vem a votação será através da Biometria. Quem ainda não se cadastrou tem até o dia 9 de fevereiro de 2018. A Mariana tem 18 anos, nunca votou, mas já está em dia com suas obrigações eleitorais. Ela foi fazer o recadastramento biométrico no cartório de Uberlândia.

Já a dona Darci que tem mais de 60 anos, sabe que precisa fazer o procedimento para não ter problemas futuros.

É tudo simples e rápido. A primeira coisa a fazer é o agendamento pelo telefone 148 ou pelo site www.tre-mg.jus.br e depois é só comparecer no cartório com identidade ou documento oficial com foto, CPF, título de eleitor (se tiver) e um comprovante de endereço, no dia e hora marcados.

É o que explica o Stefenson Lopes Faria, chefe cartório eleitoral, sobre a biometria. Para dar conta da demanda, o cartório aumentou em 50% o número de funcionários.

Atualmente, Uberlândia tem 480 mil eleitores, mas apenas 34% já cumpriram a obrigação.

Não tem desculpas para deixar para última hora. Para quem for fazer o recadastramento em horário de trabalho, o cartório emite o documento certificando o comparecimento. Para quem está acamado é só enviar um atestado com um representante legal. E é bom mesmo ficar em dia com as obrigações eleitorais, porque as consequências são sérias.

Quem não fizer o recadastramento biométrico perderá o título de eleitor. A Receita Federal também cancelará o CPF, o que pode prejudicar o financiamento da casa própria, aposentadorias, assumir cargos públicos, etc.

 

Repórter no local: Camila Rabelo

Comentários...