Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul e postulante ao Planalto revela ser homossexual

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

Pelas redes sociais, Eduardo Leite recebeu mensagens de apoio de diversos políticos

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), disse publicamente — pela primeira vez — que é homossexual. Chefe de Executivo estadual mais jovem do Brasil, com 36 anos, Leite se apresenta como um dos pré-candidatos à presidência da República em 2022. 

A revelação sobre sua orientação sexual foi feita em entrevista ao programa Conversa com Bial, da TV Globo, que vai ao ar na madrugada desta 6ª feira (2.jul). “Eu sou gay. E sou um governador gay, e não um gay governador, tanto quanto Obama nos Estados Unidos não foi um negro presidente, foi um presidente negro. E tenho orgulho disso”, afirmou o governador.

Segundo ele, “esse não era um assunto até aqui porque se deveria debater mais o que a gente pode fazer na política, e não exatamente o que a gente é ou deixa de ser”. Ainda nas palavras do tucano, “nesse Brasil com pouca integridade a gente precisa debater o que se é”.

Após a revelação, diversos políticos se maifestaram pelas redes sociais. “Admiração e respeito ao meu amigo”, escreveu o governador de São Paulo, João Doria (PSDB). O ex-senador e ex-ministro das Relações Exteriores José Serra, por sua vez, pontuou: “Registro aqui meu apoio e respeito ao governador Eduardo Leite. Grande abraço, meu caro”. Já Roberto Freire, presidente do Cidadania, classificou o gesto como “importante e corajoso”.

Os senadores Fabiano Contarato (Rede-ES) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE) também falaram sobre o assunto. O primeiro publicou: “Parabenizo o governador Eduardo Leite pela bravura! Sei a dor que é a prisão do armário, sobretudo num ambiente conservador como a Política, e cada um deve descobrir seu momento certo para esse gesto. Seja feliz e siga seu ótimo trabalho: a vida será mais leve!”. Já Vieira disse que “a sociedade só avança em cada momento histórico inspirada pelo exemplo”.

Eduardo Leite agradeceu as mensagens e acrescentou que “o amor vai vencer o ódio”. A frase foi repetida pelo partido do governador, que também o parabenizou “pela coragem”.

LEIA TAMBÉM!