ASSINE O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS

RECEBA AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DIRETO NO SEU E-MAIL
iconeenvelope.png

Prefeito e vice de Campina Verde são cassados após rejeição de contas pelo TRE-MG

Redação V9

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Legenda da foto

O prefeito de Campina Verde Fradique Gurita, do PSDB, e o vice dele, Douglas Almeida Barbosa, tiveram os diplomas cassados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG). A cassação aconteceu, porque os dois tiveram as contas municipais rejeitadas.

A justiça reconheceu ainda a inelegibilidade do registro de candidatura da chapa. O julgamento aconteceu em Belo Horizonte. A cassação foi deferida por unanimidade pelos magistrados que aceitaram os pedidos, concluindo que a rejeição das contas ocorreu em 30 de agosto de 2013 e que Fradique Gurita está inelegível até 2021.

A decisão cabe recurso junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e os dois podem continuar exercendo o mandato até o julgamento do novo recurso. A assessoria do prefeito informou que ele irá recorrer da decisão.

LEIA TAMBÉM!